Atendimento:
(11) 3259-7049

contato@gamito.com.br

Seleção de 'trainees do bem' tem disputa de até 87 candidatos por vaga

Eles competem entre si para ganhar a "bola de ouro" do melhor vendedor. Soam uma campainha e gritam "fechei mil!" toda vez que conseguem uma conta. Alguns trabalham até 12 horas por dia na época do fechamento de mês. Mas não estão numa grande empresa, e sim num hospital filantrópico de Curitiba.

Profissionalização de ONGs atrai jovens com talento

O grupo, formado por universitários de 18 a 21 anos, integra um dos únicos programas de trainee do terceiro setor no país, do hospital Pequeno Príncipe, voltado para a captação de recursos.

A entidade é um dos maiores centros pediátricos do Brasil e formará neste ano sua quarta turma de trainees.

A concorrência média do processo é de 87 candidatos por vaga. A seleção se dá em três etapas, e o treinamento inclui palestras com queridinhos do mercado e aulas de como falar em público.

Neste ano, o programa está com inscrições abertas até domingo (25), para 12 vagas.

CARREIRA

Do programa, os trainees do Pequeno Príncipe dizem levar, além da bagagem profissional, a vontade de seguir carreira em ONGs.

"Não me vejo trabalhando com outra coisa", diz o trainee Felipe Bulek, 21, estudante de administração na Universidade Federal do Paraná.

"A gente é cobrado, tem metas, a estrutura é igual à de uma grande empresa, mas trabalhamos por uma causa nobre", diz Bulek.

Dos 28 trainees que já passaram pelo programa, 14 permanecem na instituição -6 em cargos de liderança. Os demais estão empregados em multinacionais ou abriram suas próprias empresas.

Fonte "Folha de São Paulo"

Notícias


Av. Paulista, 2202 6º andar, cj. 61 - Cerqueira César - CEP 01310-300 - São Paulo-SP / Tel: (11) 3259-7049 / E-mail: contato@gamito.com.br